junho, 2020

13jun9:2013:30Caminhando em Bosques de Sintra9:20 - 13:30 Estr. Nac. 247 - Peninha - Serra de Sintra 2710 SintraTipo Evento:Caminhada

Horário

(Sábado) 9:20 - 13:30

Ponto de Encontro

Estr. Nac. 247 - Peninha - Serra de Sintra 2710 Sintra

Detalhes do Evento

Descrição do Evento

Esta proposta de Caminhada tem inicio junto ao Parque de Estacionamento do Santuário da Peninha, em pleno coração da Serra de Sintra. Passaremos pelo Santuário da Peninha, percorreremos os encantadores bosques do vale adjacente e seguiremos em direcção ao Tholos do Monge, um dos pontos mais altos da Serra de Sintra.  Utilizaremos diversos trilhos e caminhos verdejantes, entre cenários de grande e autêntica beleza serrana, para depois chegarmos ao nosso ponto de partida. Mais um evento a não perder!

Santuário da Peninha:

Neste local podemos observar rochas que constituem o Maciço Magmático de Sintra. Este maciço gerou-se há cerca de 80 Ma a grandes profundidades, sendo a rocha dominante o granito.

Na Serra de Sintra é possível observar paisagens em que se destacam amontoados caóticos de enormes blocos de rocha arredondados, constituindo o que se designa por “caos de blocos”. Estas rochas são essencialmente de composição granítica e sienítica, tendo as edificações da Peninha sido construídas no alto de um destes amontoados de rocha sienítica. O Santuário da Peninha insere-se num conjunto arquitectónico formado pela antiga ermida de São Saturnino (fundada por D. Pêro Pais na época da formação do reino de Portugal e hoje abandonada) e pelo palacete romântico de estilo revivalista, que se assemelha a uma fortificação, construído no ano de 1918.

A actual capela remonta ao século XVII, tendo sido fundada por Frei Pedro da Conceição.  O conjunto de paniéis que reveste o interior da ermida representa cenas da Vida da Virgem, e foi executado por diferentes autores. Os painéis monumentais do corpo da nave têm vindo a ser atribuídos a Manuel dos Santos.

Também da sua autoria serão os dois painéis que ladeiam a porta principal e o tímpano semi-circular, este último com a representação do Pentecostes. A capela-mor, datada de 1690, é revestida por mármores de diversas cores, que se estendem à abóbada de caixotões. O retábulo, também de embutidos marmóreos finos, é atribuído a João Antunes, por ser muito semelhante a tantos outros traçados pelo arquitecto de D. Pedro II.

Tholos do Monge:

Este é uma sepultura coletiva construída no período Calcolítico (2500/1500 a. C.) e reutilizado na Idade do Bronze (1800/800 a. C.). A sepultura, orientada a norte, aproveita uma depressão natural do granito.

Alguns dos pontos de interesse da caminhada

• Bosques de Sintra • Santuário da Peninha • Parque de Merendas • Fonte dos Romeiros • Calhau dos Corvos • Fonte das Pedras Gémeas • Vistas sobre o Cabo da Roca e costa atlântica • Tholos do Monge • Paisagens naturais •

Localização

Ponto do Encontro

Parque de estacionamento do Santuário da Peninha
Estrada Nacional 247 – Peninha
Serra de Sintra
2710 Sintra

Latitude:   38°46’9.13″N
Longitude:   9°27’32.03″W

Hora do Encontro: 9h20
Hora prevista para o final: 13h30

Ver no Google Maps

Faça Já A Sua Inscrição

Valor da Inscrição
8€ por pessoa

0
Dificuldade
0 km's
Distância
0 Horas
Duração

Circular
Circuito

Equipamento

Calçado e roupa adequada para caminhadas

Inclui:
Guia e acompanhamento
Seguro de acidentes pessoais
Seguro de responsabilidade civil

Observações: Só as inscrições efectuadas até às 16h30 do dia anterior à realização do evento permitem a activação do Seguro de Acidentes Pessoais

Termos e Condições

Formulário de Inscrição

Mais de 5 inscrições, solicitamos que preencha novamente o formulário com os restantes nomes.

Após enviar a inscrição receberá uma resposta automática com os dados para pagamento na sua caixa de e-mail. Muito Obrigado